Instituto Banco Palmas |  Como Abrir um Banco Comunitário

Como Abrir um Banco Comunitário

Para que seja criado um Banco Comunitário, são necessárias, em geral, sete condições mínimas:

  • Existência de um processo de mobilização local e de organização comunitária, além de uma instituição da sociedade civil fortalecida e motivada para ser gestora do banco;
  • Disponibilidade de espaço físico e infraestrutura básica aportada por um parceiro local, geralmente  Prefeituras Municipais ou outros;
  • Disponibilidade de, no mínimo, 02 funcionários aportados por um parceiro local;
  • Recursos para um fundo de crédito produtivo, em média, de R$ 30.000,00;
  • Recursos para lastro da moeda social, em média de R$ 5.000,00;
  • Recursos para capacitação dos agentes, gerentes de crédito e operadores de caixa, além da sensibilização dos atores econômicos e sociais locais para aderirem à iniciativa;
  • Recursos para infraestrutura do banco, tais como móveis e equipamentos. Também é necessário garantir a produção de material de divulgação e confecção das moedas sociais;

Kit Abertura Banco Comunitário